Close

domingo, Maio 19, 2024

Colunas

Alienígenas aliados ao governo americano?

11 de Maio de 2024

Alienígenas aliados ao governo americano?

“Meu socorro vem do céu”.

Salmos: 121

Parece que após milênios o homem ainda espera uma salvação para seus próprios erros vinda do céu. Entretanto, nos dias sombrios atuais, se recebemos alguma ajuda celeste, ela não veio de Deus. Não veio para sequer todos os povos do mundo.

Um dos temas mais absurdos ligados a ufologia é o que envolve um contato oficial entre extraterrestres e o governo americano. Não apenas os céticos, mas, também ufólogos sérios nunca consideraram essa possibilidade realmente válida. A ufologia considera, sim, a grande chance de apreensão de naves alienígenas, e o estudo para se aprender novas tecnologias a partir desse material colhido. Porém, muito mais grave seria a ocorrência de um encontro formal entre tripulantes dos discos voadores e um presidente americano. A respeito dessa possibilidade foram produzidos muitas matérias em revistas especializadas e vários livros que denunciava que o ex-presidente norte-americano Dwight D. Eisenhower teria tido encontros secretos com extraterrestres. Nesses últimos anos, entretanto, o assunto voltou à tona trazido por um dos ex-assessores de Eisenhower, chamado Timothy Good. O presidente e sua secretíssima comitiva teria encontrado três vezes com seres de outro planeta, na base aérea do Novo México, em 1954. Tal fato foi publicado pelo jornal britânico “Daily Mail”. Timothy Good é ex-congressista e, até hoje, um dos consultores do Pentágono. Ele fez a revelação ao apresentador da BBC2, Frank Skinner, no programa Opinionated.

Não bastando a opinião de um homem que viveu dentro do ambiente de trabalho do presidente Eisenhower, também se tornou pública a declaração de alguém que possui informações de seu ambiente familiar. A surpreendente afirmação ‘Estamos sob ataque’ foi publicada pela bisneta do mesmo ex-presidente americano. Sim! Laura Eisenhower estava falando sobre aliens! E completou que sua atual meta pessoal seria a de expor os governos mundiais que trabalham com seres extraterrestres. Ela também tem afirmado ter sido contada pelos seres desde criança despertando seu interesse no assunto. Partindo da visão que a Terra está ainda sendo muito visitada por algumas civilizações oriundas do espaço, e que, parte delas teriam intenções belicosas, afirmou:”Os líderes mundiais sabem dessa influência, mas estão interessados em lucrar”

A agora já considerada uma das maiores ufólogas da atualidade acredita que exista na Terra uma tecnologia que poderia ajudar em muito a humanidade. “Muito disso é utilizado para o mal, como máquinas que podem fazer alterações meteorológicas e induzir supertempestades. Eles modificam nosso DNA, fazem lavagens cerebrais e nos enganam”.

Sendo, então, uma importante mente pensante sobre o assunto, Laura, em 2006, teria sido convidada a participar de um programa americano chamado Alternativa 3, de colonização de Marte. “Eu não aceitei ir, pois eu acredito no poder do espírito humano. Estaríamos indo para as estrelas, mas precisamos cuidar desse planeta antes”, falou.

Para alguns, a ufologia mundial estaria entrando em uma fase de maior transparência, sendo os UFOS, cada vez mais tratados como algo que realmente estaria em nossos céus do mundo e que os governos teriam interesse neles.

No atual clima de “denúncias”, o deputado Eric Burlison, dos E.U.A, manifestou preocupações sobre o que descreve como “programas obscuros” – iniciativas governamentais obscuras para a população americana, sobretudo com relação ao seu financiamento e finalidade. A atitude não é nova para os que investigam na ufologia. Vez ou outra alguém do poder americano questiona sobre os gastos com o tema ufológico, sem receber resposta satisfatórias. Na lista de questionadores estão alguns presidentes americanos como Reagan e Clinton. As velhas raposas do alto nível dos programas secretos americanos, sabem e tratam o líder maior da nação deles como meros funcionários temporários que não possuem autoridade para conhecer os verdadeiros grandes assuntos da maior nação bélica do mundo.

“Mas já faz mais de um ano que, você sabe, a AARO não está obtendo todas as informações que deseja. Quero dizer, eles disseram que, em geral, são – a maioria ou todas as outras agências são cooperativas, mas no final das contas, não estão conseguindo parte disso.” Disse Deputado Eric Burlison. E continuou: “E dito isso, acho que o AARO não acabou. Eles ainda têm algumas coisas para fazer. E também não acho que nosso trabalho deva ser feito. E no final das contas, ainda temos programas obscuros que estão gastando dinheiro para os quais não temos resposta.”

Portanto, no mais profundo nível dessa lama do poder americano estaria realmente uma aliança oficial entre o governo americano e os alienígenas?

O pesquisador Mark Christopher Lee falou ao Daily Star sobre o acordo que teria envolvido o medonho projeto conhecido como Majestic 12. Ele completou sua declaração afirmando:

“De uma forma mutuamente benéfica, os alienígenas precisam de algo que nós temos, daí os raptos e também as mutilações de gado, e em troca os militares podem apoiar a engenharia da sua tecnologia”.

Então, podemos considerar que, não apenas um único governo da Terra teria feito tal medonha aliança? Estaríamos sob uma secretíssima corrida por tecnologia alienígena? Difícil ter em que não acreditar quando o mais absurdo começa a vir à tona como se fosse um fato histórico, encontrando como sempre uma manipulada humanidade que ainda espera algum socorro vindo do céu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rua Dr. José Afonso de Melo, N° 118, Sala 820 – Jatiúca, Maceió – AL. CEP 57.036-510.

*Site sem fins lucrativos

O homem consciente é verdadeiramente livre. Ele sabe que não sabe.

Louis Pauwels

Copyright © 2020. Detetive do Improvável. Todos os direitos reservados.